No Amapá, categoria paralisa nos dias 02 e 03 e indica greve a partir do dia 10

A LATITUDE ZERO de Macapá parece que serviu de combustível para os companheiros das Justiças Federal e Eleitoral, pois paralisaram as atividades em seus locais de trabalho nos dias 27 e 29/05 e hoje (02/06), além da paralisação de amanhã (03). Na sexta-feira (05) decidirão em assembleia geral extraordinária convocada pelo Sindjuf, a deflagração da greve por tempo indeterminado.

É importante ressaltar que o índice de paralisação no Amapá é de cerca de 80%, constituindo-se num dos maiores índices de paralisação da atual conjuntura.

BELÉM

Em Belém o Sindjuf-PA/AP realizou assembleias setoriais nas Justiças Eleitoral, Trabalhista e Federal, conforme deliberações nas paralisações do dia 27 passado.

Os servidores do TRT/8ª e TRE-PA, decidiram que a concentração do dia 03/06 ocorrerá nos respectivos tribunais.

PLC 28/2015 - Setoriais ratificam paralisaçõesNa Justiça Federal, os companheiros da Seção Judiciária, decidiram se concentrar no prédio-sede do TRE-PA, unindo forças com os servidores do Eleitoral.

O movimento que é nacional tende a aumentar nos próximos dias, pois, apesar das notícias dando conta que já existem acordos “alinhavados” e “costurados”, a categoria não pode arrefecer a luta. Pelo contrário, esse é o momento de fortalecer a adesão ao movimento para que unidos possamos arrancar leite de pedra. Portanto, a luta continua, “nem que chova canivete. ”

Fonte: Imprensa do SINDJUF-PA/AP