Na manhã desta terça-feira (07) a Diretoria Executiva do Sindjuf-PA/AP se reuniu com o Presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Pará, Desembargador Raimundo Holanda Reis, para apresentar e discutir a Pauta de Reivindicações dos servidores daquele Órgão.

Participaram da reunião os coordenadores Ribamar França, Conceição da Mota, Raimundo Abreu, Nilce Figueira e Adélia Mercês, além da Assessora Jurídica da Entidade, Dra. Lara Iglezias. Também estiveram presente na reunião o Diretor Geral do Tribunal, Francisco Valentim Maia e um assessor da presidência.

A reunião que abre o diálogo do Sindicato com a nova gestão do Tribunal discutiu uma lista com diversas questões de interesse dos servidores da Justiça Eleitoral do Pará que abrange entre outras: Infraestrutura dos Cartórios Eleitorais; Política de distribuição de pessoal nas diversas unidades do tribunal; concurso interno para ocupação de funções comissionadas, saúde dos servidores; acessibilidade; redução da jornada de trabalho.

O Presidente se comprometeu a analisar as reivindicações dos servidores apresentadas pelo sindicato e, posteriormente,responder formalmente todas as questões suscitadas com exceção do item 6 da pauta que trata da Redução da Jornada de Trabalho para 6 horas.

O desembargador Holanda esclareceu que não poderia se pronunciar sobre o pedido de redução da jornada de trabalho, pois, manteve a decisão da administração anterior que indeferiu o pleito, remetendo o processo ao Pleno do Tribunal para apreciação.O Assessor da presidência informou que até amanhã (quarta-feira)será definido o relator do processo.

Ao final das discussões os coordenadores Ribamar França e Conceição Mota agradeceram a atenção da Presidência do TRE-PA e reforçaram que esse tipo de reunião é uma prática quem vem sendo adotada pelo Sindjuf-PA/AP como forma de abrir espaço e manter o diálogo com as administrações dos tribunais.

Acesse aqui o inteiro teor da pauta de reivindicações dos servidores da JE do Pará.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Sindjuf-PA/AP