Em 2015 os servidores do Poder Judiciário Federal travaram uma grande e difícil luta pela recomposição salarial da categoria. A luta exigiu dos sindicatos todos os esforços para viabilizar a participação dos trabalhadores e trabalhadoras na histórica batalha por recomposição salarial.

O Sindjuf-PA/AP, por meio de sua Diretoria Executiva, resolveu priorizar as despesas com a campanha salarial/2015, e, nesse sentido, tomou a decisão de carrear todos os recursos para a justa luta em prol da recomposição salarial, a nível local e nacional. Assim, a Diretoria decidiu suspender, a partir de setembro/2015, o pagamento da contribuição à Central Única dos Trabalhadores (CUT).

A filiação do SINDJUF-PA/AP à CUT tem sido muito questionada nas assembleias e reuniões do sindicato e, recentemente, os servidores da base do Amapá enviaram um abaixo assinado, solicitando consulta à categoria acerca da desfiliação do Sindjuf da referida Central.

Diante dessa demanda, a Diretoria Executiva remeteu a questão para discussão e apreciação durante o V Congresso dos Trabalhadores do Poder Judiciário Federal dos Estados do Pará e Amapá (V CONJUF), convocado para os dias 10, 11 e 12 de março de 2016. O Congresso da categoria é a instância estatutária legítima que permite deliberar sobre o tema.

Fonte: Sindjuf-PA/AP