Ao total doze placas instaladas na cidade denunciam os votos favoráveis  que irão destruir os serviços essenciais da população e acabar com o funcionalismo.

O Fórum das Entidades do Servidores Públicos Federais (Fonasefe), incluindo a Fenajufe, espalhou outdoors com o posicionamento dos parlamentares sobre a PEC 32. As peças foram disponibilizadas em locais estratégicos de Brasília.

Entidades representativas do conjunto da classe dos servidores públicos das três esferas, entre elas a Fenajufe, não tem medido esforços no trabalho de convencimento da população sobre a representação real da reforma administrativa. A iniciativa tem ocorrido em vários estados e visa alertar e pressionar  os parlamentares sobre voto que destruirá o serviço público.

A tramitação da PEC 32 avança na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos deputados e governo pretende acelerar ao máximo para forçar aprovação ainda neste semestre. Nesta manhã de terça-feira (25), o texto foi lido enquanto entidades realizavam mobilização virtual.

Para a Fenajufe desmascarar os traidores é fundamental. Nesse sentido ressalta que a iniciativa do Fórum vem fortalecer a luta contra o fim do serviço público e lembra que em 2022 haverá eleições e o momento é propício para pressioná-los diante da opinião pública. A Federação orienta manter a pressão de todas as possíveis junto aos parlamentares.

A proposta de reforma na Administração Pública vem recheada de dispositivos que trarão prejuízos para a sociedade como um todo. Entre as mazelas, estão a perda da estabilidade para o servidor público, a oficialização das privatizações, além de acabar com o Regime Jurídico único e provocar o aparelhamento no funcionalismo com a facilitação da ingerência política.

Caso a reforma passe pela votação na CCJ irá para Comissão Especial e posteriormente para o plenário.  Enquanto isso a orientação da Fenajufe e acirrar as mobilizações e manifestações contrárias à aprovação da PEC em todo o país.

Na quarta-feira (26), as entidades do Fonasefe juntamente com as Frentes Povo sem Medo, Frente Brasil Popular, e Centrais Sindicais  vão participar de ato em Brasília contra os projetos de reforma do governo, a política genocida e contra o descaso e irresponsabilidade da gestão do presidente Bolsonaro que trouxe desemprego, fome, miséria e proporcionou a morte de quase meio milhão de pessoas.

Pressione!

Alagoas

Deputado Sérgio Toledo – https://bit.ly/33ZbxqY

Bahia

Leur Lomanto Júnior – https://bit.ly/3f2kshn

Sérgio Brito – https://bit.ly/2SbCDYV

Ceará

Capitão Wagner – https://bit.ly/2S9N3Z4

Distrito Federal

Bia Kicis – https://bit.ly/3eYUnzY

Goiás

João Campos – https://bit.ly/3bEK1TO

Lucas Vergilio – https://bit.ly/3yphuLH

Vitor Hugo – https://bit.ly/3v2JVgt

Magda Mofatto – https://bit.ly/3bD38NO

Maranhão

Edilázio Júnior – https://bit.ly/3f2DiVS

Minas Gerais

Bilac Pinto – https://bit.ly/3wkUGuA

Lafayette de Andrada – https://bit.ly/3wkYMDe

Marcelo Aro – https://bit.ly/3whoeta

Mato Grosso do Sul

Fábio Trad – https://bit.ly/3uZgPOS

Mato Grosso

Juarez Costa – https://bit.ly/3wkVJL2

Pernambuco

Pastor Eurico – https://bit.ly/2Rv2hIc

Silvio Costa Filho – https://bit.ly/33YpVj3

Piauí

Margarete Coelho – https://bit.ly/2QDN2wo

Paraná

Diego Garcia – https://bit.ly/3hEENel

Filipe Barros – https://bit.ly/2S6oIn6

Paulo Eduardo Martins – https://bit.ly/2Rw9R5u

Rubens Bueno – https://bit.ly/3yt2EE6

Rio de Janeiro

Carlos Jordy – https://bit.ly/3v7qSBx

Soraya Santos – https://bit.ly/3v5gaeH

Rondônia

Léo Moraes – https://bit.ly/3uY4A5b

Roraima

Hiran Gonçalves – https://bit.ly/3fveeFN

Rio Grande do Sul

Lucas Redecker – https://bit.ly/3hBhAda

Márcio Biolchi – https://bit.ly/2QwrVMg

Santa Catarina

Caroline de Toni – https://bit.ly/3v9EuMQ

Daniel Freitas – https://bit.ly/3fxVAgt

Darci de Matos – https://bit.ly/33W65F4

Gilson Marques – https://bit.ly/33W5N0W

São Paulo

Capitão Augusto – https://bit.ly/3hEGxnT

Enrico Misasi – https://bit.ly/3ysAdG3

Joana Darc Melo, da Fenajufe

Fonte: https://www.fenajufe.org.br/noticias/noticias-da-fenajufe/7739-fonasefe-expoe-voto-de-parlamentares-sobre-a-pec-32-em-outdoors-espalhados-no-distrito-federal