terça-feira, 27 setembro, 2022
spot_img

Representantes do Sindjuf-PA/AP participam do Encontro Nacional da JE ocorrido nesse final de semana com a presença do Diretor-geral do TSE

O Sindjuf-PA/AP esteve nesse final de semana, 23 e 24 de julho, no Encontro Nacional das Servidoras e Servidores da Justiça Eleitoral (ENEJE), ocorrido na sede da Fenajufe em Brasília.

O coordenador do Sindjuf-PA/AP, José de Ribamar Silva, também dirigente da Fenajufe, com os demais coordenadores da Federação, Fernanda Lauria e Edson Borowski, abriu o evento saudando os participantes e ressaltando a importância dos debates para o atual momento enfrentado pela Justiça Eleitoral e seus servidores.

Valorização dos servidores (as)

Durante o evento, o servidor da área de TI do TRE-PA, Clayton Ataíde, fez uma apresentação sobre Employer branding – A marca do empregador – para falar sobre a importância de valorização (atração e retenção) dos profissionais da Justiça Eleitoral.

“(…) o servidor da Justiça Eleitoral que tem evadido para outras carreiras ou mesmo para o mercado privado. Esse problema passa pela questão salarial, que é pré-requisito para a atração e retenção de talentos, mas não apenas. É preciso uma ação estratégica da Justiça Eleitoral em busca de uma gestão menos focada na hierarquia e sim horizontalizada baseada em gestão de projetos, lotação e benefícios flexíveis, a exemplo do movimento que o mercado privado vem fazendo, de maneira que os melhores profissionais até mesmo do mercado privado, queiram fazer o caminho inverso para o serviço público.”, disse.

Veja o conteúdo da palestra do servidor Clayton Ataíde:

Evento contou com a presença do diretor geral do TSE

Um dos momentos mais aguardados foi a participação do diretor geral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Rui Moreira, para falar sobre a “Estrutura para as Eleições 2022 / Segurança dos Servidores e Servidoras nas eleições 2022”.

“Penso que o ponto mais importante tenha sido a presença do Diretor-geral do TSE que pôde ouvir diretamente das servidoras e servidores de todo o país, inclusive de Zonas Eleitorais, que se faziam presentes, suas demandas, em especial, com relação à segurança dos servidores nas eleições e à campanha de desinformação que sofre a Justiça Eleitoral.”, avaliou o servidor Clayton Ataíde.

O servidor do TRE-AP, José Temístocles de Melo, também avaliou como positiva a presença do DG. “Ele respondeu as nossas perguntas, os nossos anseios, algumas das nossas reivindicações ele disse que não dá pra ser atendida agora, outras possivelmente serão. Ele falou muito também da segurança dos chefes de cartórios e mesários”, disse.

Ataque à justiça Eleitoral

Durante o Encontro, um ponto em comum entre as falas foi a preocupação com a segurança nas eleições de 2022 devido aos recentes ataques e insinuações infundadas de fraudes nas urnas eletrônicas.

“O encontro nacional dos servidores da justiça eleitoral, ocorreu, em um momento decisivo para a democracia brasileira. Em meio a diversos ataques contra a urna eletrônica e ao sistema eleitoral, a reunião foi de suma importância para que os servidores alinhassem a sua posição sobre temas de suma importância: dentre eles a segurança nas eleições 2022, o reajuste da remuneração e melhores condições de trabalho.”, avaliou o servidor do cartório eleitoral de Santa Maria no Pará, Breno Brandão.

O Encontro

O Encontro Nacional das Servidoras e Servidores da Justiça Eleitoral foi encerrado com a aprovação da “Carta dos servidores da Justiça Eleitoral” contra os ataques do governo à democracia e à honra e dignidade do segmento.

“Sai de lá, com as forças renovadas, lembrando que faço parte de uma justiça essencial à democracia brasileira e esperançoso em relação a melhoria das condições de trabalho.”, avaliou o servidor Breno Brandão.

O servidor Clayton Ataíde disse que ficou “positivamente impactado com o ENEJE pela profissionalização da organização e condução, bem como por perceber real comprometimento com a valorização do servidor e consequentemente do serviço público, dando oportunidade de manifestação a todos os presentes e tratando suas colocações com toda a seriedade, respeitando e valorizando as divergências.”

► Representando as bases do Pará e Amapá, participaram do Eneje os servidores: Ribamar França, Clayton Ataíde, José Temístocles de Melo, Daise Santos, Breno Brandão, Ana Bela de Oliveira, Givanildo Quaresma, José Wilson Fernandes e Paulo Cesar Junior. 

*Imagens: Joana Darc Melo, da Fenajufe

 

Latest Posts

spot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

CADASTRE SEU EMAIL

PARA RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS DIARIAMENTE.