segunda-feira, 30 janeiro, 2023
spot_img

Fenajufe participa de audiência pública sobre segurança do processo eleitoral e violência política

Evento solicitado pela Coalização em Defesa do Sistema Eleitoral, reúne organizações em defesa da democracia

Mais uma vez, a Fenajufe participou de debates sobre a segurança nas eleições e o sistema eleitoral brasileiro que tem sido alvo de informações falsas e fake news. O convite  foi feito pelo deputado Pedro Uczai (PT/SC).

O debate ocorreu na tarde desta terça-feira (30) na Comissão de Legislação Participativa (CLP) da Câmara dos Deputados. O coordenador  Manoel Gérson representou a Federação.

Para o coordenador, essa é mais uma importante atividade em defesa das servidoras e servidores da JE e da democracia que a Fenajufe  e diversas entidades do mundo jurídico, sindical, social e religioso, participam.  Segundo ele, “o clima de violência política ronda nosso trabalho, nossa integridade e também o  espaço democrático, merecendo repúdio e medidas concretas de garantia de segurança para trabalhar e para exercer a cidadania”.

Assista na íntegra a participação do coordenador:

Além da Fenajufe, outras organizações integrantes da Coalizão em defesa do sistema eleitoral também participaram do evento.O ponto  em comum foi a defesa da democracia, o direito ao livre exercício do voto e de eleições tranquilas.São elas, Associação Brasileira de Juristas pela Democracia – ABJD, Associação de Juízes para a Democracia – AJD, Coletivo Mulheres Defensoras Públicas do Brasil, para citar algumas.

O tema tem gerado muita preocupação principalmente para servidoras e servidores da Justiça Eleitoral que se sentem inseguros para o desempenho de suas funções diante do clima hostil gerado pelos constantes ataques.

A Audiência Pública tirou como encaminhamento a construção de um documento a ser entregue ao presidente do TSE, ministro Alexandre de Moraes e ao ministro da justiça e segurança pública Anderson Torres,  nos moldes do que a Fenajufe aprovou no Eneje, cobrando ações que possam garantir o pleno exercício da cidadania de brasileiras e brasileiras  nas eleições gerais 2022.

Na última semana, a Federação se reuniu com o diretor geral do (TSE),Rui Moreira, para tratar do tema entre outros pontos. Os dirigentes cobraram ações efetivas do Tribunal que  possam garantir segurança não apenas para trabalhadoras e trabalhadores como também para todos os envolvidos no processo eleitoral, como mesários e eleitores.

Na ocasião, a coordenadora  Fernanda Lauria e o coordenador Edson Borowiski reforçaram apelo para que o TSE apresente soluções normativas para suspensão do porte de armas de fogo nos dias de eleição e proibição da venda de bebidas alcoólicas(Lei Seca).

Fonte: Joana Darc Melo, da Fenajufe

Latest Posts

spot_imgspot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

CADASTRE SEU EMAIL

PARA RECEBER NOSSAS NOTÍCIAS DIARIAMENTE.