O Sindjuf-PA/AP orienta os servidores filiados, Oficiais de Justiça do TRT8ª, que estão recebendo notificação por conta de acúmulo do recebimento das parcelas da Gratificação de Atividade Externa (GAE) e da VPNI (quintos incorporados) que procurem de imediato a Assessoria Jurídica da entidade para que seja providenciada a defesa dos mesmos.
 
O Sindjuf-PA/AP já ingressou com Mandado de Segurança solicitando o sobrestamento de qualquer ato administrativo que vise a retirada da remuneração. O Mandado impetrado alcança todo o segmento, e não somente os sindicalizados.

Com a iminência de corte na remuneração dos Oficiais de Justiça, a coordenadora do Sindicato, MARIA ELIZABETH SOARES DOS SANTOS, faz um apelo aos colegas surpreendidos com essa bombástica notícia. Ela alerta que a fase é de RECURSO ADMINISTRATIVO INDIVIDUAL.

“O Jurídico do Sindjuf-PA/AP está fazendo a parte dele com excelência e nós precisamos agir em parceria com eles, fazendo contato, enviando a notificação recebida, procuração e cópia dos documentos pessoais, visando modificar a decisão dada no Mandado de Segurança, através do pedido de RECONSIDERAÇÃO, vamos lá companheiros fazer a nossa parte.”

Para mais informações, os interessados devem entrar em contato com Assessoria Jurídica do Sindjuf-PA/AP nos telefones: (91) 9159-7073 (Dr. Arthur Freitas) (91) 98333-0880 (Dra. Lara Iglezias). 

Imagem Licenciável /  Crédito: Roque de Sá/Agência Senado