O Tribunal Regional Eleitoral do Pará publicou nessa quarta-feira (3/3) a portaria de n° 20195/2021 determinando que a partir de hoje (4) até 31 de março os servidores, estagiários e trabalhadores terceirizados do Regional adotem o trabalho remoto.

A medida foi estabelecida após o Governo do Pará sinalizar bandeiramento vermelho em todo Estado em decorrência do agravamento do quadro epidemiológico.

De acordo com o documento permanecem em atendimento presencial regular: a recepção da sede do Tribunal, do serviço médico e da CAE de Belém; os serviços gerais e de manutenção predial; a segurança institucional e patrimonial; os serviços de transporte e expedição de material e correspondências; a digitalização de processos físicos; o protocolo; o suporte técnico de TIC e a manutenção do centro de dados e da conectividade; o almoxarifado e a unidade de patrimônio; a exercitação de urnas eletrônicas; obras e reformas e a comunicação social.

Nos setores essenciais será mantida em 50% o trabalho presencial de acordo com a capacidade do ambiente de trabalho, respeitando o limite de até 50% da força de trabalho total do Tribunal.

Acesse aqui a Portaria.