O Sindjuf-PA/AP, por meio de sua Assessoria Jurídica, representada pela advogada Lara Iglezias, conseguiu reverter, administrativamente, decisão negativa do TRE do Amapá, em relação a concessão de Adicional de Qualificação a um servidor. O Tribunal entendia que curso de Especialização em Direito do Trabalho e Processual do Trabalho, não estaria dentro das áreas de interesse do Órgão. Contra a negativa, e apresentando justificativas que comprovavam o interesse da administração em relação ao curso concluído, mais uma vez o Sindjuf-PA/AP conseguiu reverter decisão injusta, em beneficio a seus filiados.