Nós do Sindjuf-PA/AP repudiamos as declarações do Presidente da República, Jair Bolsonaro feitas após extremistas invadirem a sede do Legislativo americano para interromper a confirmação da eleição nos Estados Unidos. O Presidente, mais uma vez, sem apresentar nenhuma prova, questionou a confiabilidade do sistema eleitoral brasileiro e fez ameaças, caso o voto impresso não seja novamente instituído no país.

Reforçamos a seriedade e integridade da Justiça Eleitoral e de seus servidores que organizam de maneira transparente e segura as eleições eletrônicas no país, que diferentemente dos votos em cédula, nunca apresentou nenhuma evidência ou mesmo indício de fraude.

Como Entidade, o Sindicato busca a defesa de um estado democrático, seguro e livre, por isso, repudiamos as falas irresponsáveis do Presidente que ameaçam o curso das futuras eleições e trazem risco à vida e integridade física dos bravos trabalhadores do judiciário eleitoral.

A Assessoria Jurídica do Sindicato está estudando a possibilidade de acionar a Justiça em defesa dos servidores do judiciário eleitoral diante das acusações.

Esperamos, responsabilidade e respeito com a Justiça Eleitoral, seus trabalhadores e com os eleitores deste país.